Blog da Ju

Minha experiência profissional me mostrou que para fotografar precisamos dar ouvidos a todos os nossos sentidos.

As melhores imagens são capturadas quando o fotógrafo se torna apenas o instrumento. O melhor fotógrafo é o fotógrafo invisível e a melhor câmera é a que não é perceptível a quem é retratado. Embora estática, só a fotografia nos permite revelar o que vai pela alma a partir de uma expressão, de um brilho nos olhos, da luz, das nuances, das cores e das sombras. Ao fotografar prefiro a luz natural, a espontaneidade, a escolha criteriosa do cenário. Tenho uma preferência especial em fotografar crianças, famílias e casais. Com a fotografia consigo registar as histórias e a vida através de imagens.

Joana :)

E a fila da fofura recebe a Joana!

Joana é do tipo  que sorri com os olhos! Ela é contida e  nos entendemos em pouco tempo! Foi  preciso observar, respeitar a individualidade, recuar... e assim,  Joana me permitiu chegar perto e logo uma conexão entre nós foi estabelecida! 

Confere aí e se apaixone e 30 segundos! Talvez menos!