Blog da Ju

Minha experiência profissional me mostrou que para fotografar precisamos dar ouvidos a todos os nossos sentidos.

As melhores imagens são capturadas quando o fotógrafo se torna apenas o instrumento. O melhor fotógrafo é o fotógrafo invisível e a melhor câmera é a que não é perceptível a quem é retratado. Embora estática, só a fotografia nos permite revelar o que vai pela alma a partir de uma expressão, de um brilho nos olhos, da luz, das nuances, das cores e das sombras. Ao fotografar prefiro a luz natural, a espontaneidade, a escolha criteriosa do cenário. Tenho uma preferência especial em fotografar crianças, famílias e casais. Com a fotografia consigo registar as histórias e a vida através de imagens.

Me diga, o que é o Natal pra você?

O que melhor simboliza o Natal: um pinheiro? bolas brilhantes? um bonito presépio? Se perguntar para uma criança, certamente será o Papai Noel;se perguntar para um adolescente, um presente, mas e para um adulto,qual será a resposta? E pra você, o que melhor representa esta data? Distante dos apelos comerciais e inspirada por perguntas como estas, Ju Comparin elaborou um ensaio fotográfico de Natal que foge do tradicional. Um cenário que valoriza a simplicidade buscando capturar a verdadeira essência da data: a alegria em torno dos preparativos, o brilho das luzes, o carinho entre irmãos, a doçura e a inocência de um olhar aguçado pela expectativa da chegada do Bom Velhinho; pequenos detalhes que fazem a diferença. Tudo lindo, tudo mágico, tudo organizado com muito amor e carinho para eternizar este momento, de um jeito todo especial. Conte-nos, o que é especial para você e vamos guardar estes momentos em um click?