Blog da Ju

Minha experiência profissional me mostrou que para fotografar precisamos dar ouvidos a todos os nossos sentidos.

As melhores imagens são capturadas quando o fotógrafo se torna apenas o instrumento. O melhor fotógrafo é o fotógrafo invisível e a melhor câmera é a que não é perceptível a quem é retratado. Embora estática, só a fotografia nos permite revelar o que vai pela alma a partir de uma expressão, de um brilho nos olhos, da luz, das nuances, das cores e das sombras. Ao fotografar prefiro a luz natural, a espontaneidade, a escolha criteriosa do cenário. Tenho uma preferência especial em fotografar crianças, famílias e casais. Com a fotografia consigo registar as histórias e a vida através de imagens.

Amor de mãe é...

Cada mãe tem um jeitinho, de conduzir seu próprio ninho, de cuidar de seus filhotes, de dar alimento, de protegê-lo! Sejam bem-vindas mamães e famílias para a experiência linda e emocionante que são os ensaios que preparamos, é com eles que vamos contar em imagens, sua história de amor, sua essência!  Hoje em especial, a mãe Janaína e seu filho Henrique me permitiram fotografá-los em sua intimidade, mostrando a fortaleza que são os laços de afeto, a amamentação, a cumplicidade e o amor infinito entre eles!  Gratidão, Ju

“O amor de mãe é algo indescritível, algo impossível de se colocar no papel. Só você sabe o que é o coração pulsando em ver um resultado de positivo. Apenas você, e só você, vai entender o que é ser mãe, quando você for mãe. Aquele momento mágico, absolutamente extraordinário, de sentir aquele pequeno ser colado no seu peito, para acalmar a sua fome, acalentar e dar abrigo. Mas, uma hora ele acaba, e você vai, com certeza, sentir saudades e se, por ventura pudesse, você congelaria o momento, para recordar para sempre. Restam então as imagens para lembrar de todos os momentos que já passaram e poder recordar e aproveitar os próximos que estão por vir."  Janaína